CONTRIBUÍMOS PARA A SEGURANÇA DA SAÚDE PÚBLICA

Contribuir para a quebra de ciclos perigosos não só para a saúde pública como também para a preservação da saúde animal e ambiental tem sido o principal lema de cada empresa do Grupo, de acordo com a sua especificidade, importância e contribuição no seu campo de acção.

 

Para subprodutos de origem animal e seus derivados que foram classificados nas categorias M1 e M2 e que representam, por isso, um elevado nível de risco, a ITS efectua o respectivo encaminhamento para meios de eliminação controlados e com rigorosas medidas de segurança. Potenciadores de grandes focos de contágio, a recolha de animais mortos nas explorações suscita a possibilidade de transmissão de doenças que podem ser fatais para o Homem e para os animais de acordo com a análise de risco a que são sujeitos.

 

Por sua vez para a recolha, transporte, triagem e desembalamento de subprodutos cárnicos ou de pescado, que são recolhidos em supermercados e grandes superfícies, a Abapor realiza o seu encaminhamento quer para a Sebol quer para a ITS  de acordo com  o destino do produto seja para eliminação seja para aproveitamento de forma sustentada, segura e eficaz. 

 

Tal como a Abapor também a Sebol enquadra subprodutos unicamente de categoria 3 que transforma e revaloriza servindo-se de ossos e aparas, gorduras e extremidades de animais não consumidas que recolhe em matadouros, salas de desmancha e talhos. Devido à baixa taxa de risco esta categoria é aproveitada e reutilizada com a aplicação de medidas constantes e eficazes.

 

Líderes na regeneração de proteína e gordura animal, as empresa do grupo cumprem em todas as fases do processo, toda a legislação imposta por lei, de forma a evitar qualquer negligência a nível ambiental e social.